Terça, 24 de Novembro de 2020 17:22
62 992250155
Jaraguá POLÊMICA

Empresa de internet acusa PROCON de perseguição

A Radar, provedora de internet via rádio, reclama em entrevista que há um desnível no tratamento que a empresa recebe em relação às outras empresas de Jaraguá

08/07/2020 20h24 Atualizada há 2 meses
Por: Cláudio Bertode
Empresa de internet acusa PROCON de perseguição

Fábio Santos, diretor e sócio da empresa Radar Internet, em entrevista à Rádio Sucesso FM, acusou a diretora do PROCON Jaraguá, Silvia Martins de perseguição. 

O empresário relatou ao Jornal da sucesso que no dia 07.07 (terça-feira), a senhora Silvia Martins entrou em sua empresa sem uso de máscara e, aparentando descontrole, discutiu com funcionários. “Ela não aceitou o uso da máscara, fez uma notificação a nossa empresa por um caso que poderia ter sido resolvido por telefone. Além do mais, essa senhora tem perseguido a nossa empresa há quatro anos”, desabafou

 

Na visão de Fábio Santos, a empresa concorrente recebe outro tratamento. Não há o mesmo rigor como é aplicado à Radar Internet. 

 

Em outras palavras “São dois pesos e duas medidas. Em uma reunião com o Ministério Público sentimos dela, uma proximidade muito grande com a empresa concorrente. Há até mesmo uma relação pessoal, ela chegou a ganhar máscaras personalizadas dessa empresa e postou nas redes sociais mensagem de gratidão”, comenta o empresário.

 

O ponto mais grave da acusação é que para Fábio, a perseguição seria para beneficiar terceiros. 

 

“Creio eu, que essa perseguição é para beneficiar terceiros. Nós até entramos com uma ação no Ministério Público a respeito disso, pedindo quantas autuações ela fez contra a outra empresa. Em quatro anos pelo que constatamos, ela abriu apenas 04 reclamações da concorrente. Será que isso é plausível? Enquanto isso, nós fomos autuados por ela em 20 mil reais, é em uma relação totalmente desproporcional. Portanto eu creio que sim! É uma perseguição. Ela não trata as empresa com imparcialidade”, lamenta. 

 

 

COM A PALAVRA O PROCON

 

O Folha de Jaraguá publicou a versão da Diretora do PROCON, Silvia Santos, em relação a uma entrevista concedida à Rádio Sucesso, veiculada, quarta-feira (08.07)

 

Silvia Martins afirma “que lamenta muito a conduta do diretor da empresa, disse que ele fez confusão, afirmou que esteve na loja, para entregar uma notificação, segundo ela dentro de um procedimento correto. 

 

Sobre a falta de máscara ao adentrar ao estabelecimento, Silvia respondeu da seguinte forma. “Estava acompanhada de alguém acima de qualquer suspeita e ele sabe se eu estava ou não usando máscara. Em todos os lugares ha câmeras e será observado que havia pessoas dentro dessa empresa que estavam sem máscara” frisou.

 

Sobre a acusação de que é amiga dos proprietários da empresa concorrente e que persegue a Radar Internet, ela disse que trabalho muito, tem poucas amizades e se dedica a família. Disse que não há perseguição e que é vítima de crimes contra a sua honra, afirmando que estão sendo divulgados contra ela, fatos mentirosos e que as medidas judiciais estão sendo tomadas. Sílvia Martins disse que a multa aplicada de 20 mil reais a empresa foi cancelada, após a Radar Internet apresentar um plano de melhorias no atendimento.”, termina a entrevista. 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Jaraguá Goiás - GO

Jaraguá Goiás - Goiás

Sobre o município
Jaraguá é um município do estado de Goiás, no Brasil. Nele, situa-se o Parque Ecológico da Serra de Jaraguá. Área: 1.889 km² População: 49 667 hab. (GO: 26º) – estimativa IBGE/2018 Altitude: 610 m Distância até a capital: 125 km
Mais lidas